Quarta-Feira, 13 de dezembro de 2017 Nossa história      

Notícias

DIA ” D “ DA CAMPANHA NACIONAL DE MULTIVACINAÇÃO EM SIMÕES-PI.

Conforme orientação do ministério da saúde, realizou-se hoje no município de Simões o dia “ D” da campanha nacional de multivacinação.

A campanha tem o objetivo de atualizar a caderneta de vacinação de todas as crianças e adolescentes menores de 15 anos, buscando resgatar a população não vacinada ou com esquemas de vacinação incompletos, tanto na infância como na adolescência, visando melhorar as coberturas vacinais e assim manter controladas, eliminadas ou erradicadas as doenças imunopreviníveis no Brasil.

A secretaria municipal de saúde de Simões, através da coordenação municipal do Programa Nacional de Imunização/PNI, disponibilizou 4 postos de vacinação que funcionaram das 8 às 17h, contando com a atuação de diversos profissionais, como enfermeiras, técnicas em enfermagem e agentes comunitários de saúde,  oportunizando assim o acesso do público alvo a todas as vacinas oferecidas pelo programa, conforme o calendário básico de vacinação.

A enfermeira Renata Sulamita, coordenadora municipal do PNI, informou que o inicio da campanha se deu no dia 11/09/2017 e se estenderá até o dia 22/09/2017. Durante este período as diversas localidades da zona rural do município também estão sendo contempladas pela campanha, através da atuação das equipes de estratégia saúde da família. A coordenadora ressaltou ainda que todas as vacinas são contra doenças potencialmente graves que podem matar, levar a hospitalização e ou deixar sequelas permanentes.

A vacinação é um direito das crianças e dos adolescentes e é preciso esclarecer as famílias de que vacinar é a melhor maneira de prevenir doenças. Vale salientar que o calendário básico de vacinação do Brasil disponibiliza vacinas para todas as faixas etárias, da criança até o idoso, na rotina diária das unidades de saúde. 

O dia D de campanha foi acompanhado em todas as unidades pela secretária municipal de saúde, Dra. Isamária Dantas.

As informações contidas nesta matéria, foram passadas pela enfermeira Renata Sulamita, da estratégia saúde da família e coordenadora municipal do PNI.